FUNASA 2017: expectativa de edital para nível médio e superior


Assessoria | 20/04/2017

A Fundação Nacional da Saúde tem expectativa de divulgar a abertura de concurso público (Concurso FUNASA 2017) em breve. E para que isso aconteça, o órgão solicitou junto ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorização de certame para preenchimento de vagas efetivas, sob regime estatutário, o que prevê estabilidade empregatícia. O pleito tramita desde dezembro do ano passado na pasta do governo.

Ainda não se sabe o quantitativo de vagas, mas a tendência é que a oferta tenha sido pleiteada com 448 vagas, mesmo quantitativo da última solicitação. Para que o concurso da FUNASA seja divulgado, o Ministério do Planejamento deve autorizar a seleção. Se receber o aval da pasta, as oportunidades de níveis médio e superior serão oferecidas para as várias unidades do órgão espalhadas pelo país.

As 448 vagas devem ser distribuídas para os cargos de Agente Administrativo (251), Administrador (35), Contador (35), Economista (11), Arquiteto (04), Engenheiro (90), Geólogo (06), Bioquímico (02) e Farmacêutico Bioquímico (14). Todas as funções exigem nível superior, com exceção do cargo de Agente, cujo requisito é de nível médio (antigo 2º grau).

Sobre os Cargos

O Agente Administrativo terá missão de executar atividades de apoio administrativo relacionadas à redação de documentos oficiais, elaboração de pareceres, relatórios, textos, planilhas e gráficos; atender e orientar o público interno e externo; organizar arquivos e documentos; prestar suporte administrativo à gestão; registrar informações; operar sistemas informatizados e proceder às rotinas administrativas; executar outras atividades correlatas. As demais funções terão as seguintes atribuições:

Administrador: analisar, orientar e acompanhar convênios, contratos e acordos; subsidiar a elaboração de diretrizes e políticas governamentais; elaborar e analisar fluxogramas, organogramas, estudos e propostas de estrutura organizacional; planejar programas orçamentários; analisar projetos de desenvolvimento de metodologias para acompanhamento de sistemas; entre outras tarefas;

Contador: participar da elaboração de propostas orçamentárias; supervisionar, coordenar e executar atividades contábeis; realizar tomadas de contas; propor normas relativas à organização de serviços contábeis; analisar processos, emitir laudos, pareceres contábeis, financeiros e orçamentários; elaborar e assinar balanços mensais e outras peças contábeis; entre outras atribuições;

Engenheiro: planejar, executar e supervisionar trabalhos de engenharia voltados para saneamento básico e saúde pública, inclusive em áreas especiais: comunidades indígenas, remanescentes de quilombos, reservas extrativistas, áreas de assentamentos e outras alcançadas pela missão da FUNASA; elaborar laudos, pareceres e informes técnicos; entre outras;

Farmacêutico Bioquímico: Coordenar aquisição, recebimento, armazenamento e distribuição de medicamentos e insumos; acompanhar, supervisionar e executar ações relacionadas com laboratório de controle de qualidade da água para consumo humano; entre outras.

Último Concurso FUNASA

O último concurso da FUNASA aconteceu em 2009, quando contou com 411 vagas de nível médio e superior para preenchimento efetivo. A Fundação Cesgranrio teve a responsabilidade do certame.

As oportunidades divulgadas foram destinadas aos cargos de Agente Administrativo (185 vagas), requisito de nível médio, Técnico de Contabilidade (20 vagas), requisito de nível técnico, administrador (25), analista de suporte de sistemas (15), farmacêutico bioquímico/saúde indígena (20), geólogo (2), arquiteto (7), arquivista (1), auditor (15), bibliotecário (2), biólogo (10), contador (10), engenheiro (70), estatístico (5), farmacêutico bioquímico – engenharia de saúde pública (10), sanitarista (4) e técnico em assuntos educacionais (10), todas com requisito do ensino superior.

As vagas do concurso FUNASA foram divulgadas para todos os Estados do País. Os inscritos foram avaliados por provas objetivas e discursivas, para todos os cargos. Além disso, o certame contou com avaliação de títulos, mas somente para cargos de nível superior.

Sobre o órgão

A Fundação Nacional de Saúde (Funasa) é uma fundação pública, vinculada ao Ministério da Saúde (MS), que tem sua sede em Brasília/DF e conta com 26 unidades descentralizadas, uma em cada estado brasileiro, denominadas Superintendências Estaduais. A Fundação Nacional de Saúde (Funasa) objetiva a promoção e proteção à saúde, formulando, implementando e fomentando ações e soluções de saneamento para prevenção e controle de doenças.

Salvar


Comentários