Alongamentos que se deve sempre evitar antes do treino


Noticia ao Minuto | 17/11/2017

Para que um treino seja eficaz e rentável, é preciso alongar antes e depois da malhação. Se os alongamentos pós-treino ajudam na recuperação, os que se fazem antes são fundamentais para determinar a performance. Por isso, é necessário evitar determinados movimentos, como é o caso de levar as pernas alternadamente ao comprimento da cintura ou do 'eterno' movimento de esticar a perna em um corrimão e levar depois as mãos aos pés. Diz a Women's Health no seu site que estes movimentos, quando feito com o corpo 'frio', podem causar lesões nos joelhos.

Levar a cabeça aos pés, apoiando os braços na parte de trás das pernas - um movimento muito comum no yoga e que pode ver na imagem acima - é também um tipo de movimento que se deve evitar antes do treino, uma vez que requer muita elasticidade e o corpo 'frio' pode ainda não estar preparado para tal.

O 'tradicional' levar o calcanhar ao glúteo é outro alongamento que deve ser feito depois do treino e não antes, diz a revista, que acrescenta ainda na sua lista dois movimentos muito específicos e que devem ser feitos apenas quando o corpo já está quente: um deles requer deitar de barriga para cima e cruzar uma perna em cima da outra, levanto a que está por baixo ao peito; o outro diz respeito à posição de pombo (que pode ver na imagem abaixo), em que uma das pernas está cruzada e apoiada no chão, a outra está alongada para trás e o tronco e elevado o mais possível.


Comentários