Antibióticos podem afetar a saúde dos dentes? Entenda


Notícia ao Minuto | 10/11/2017

Antibióticos estragam ou não os dentes? Esta é uma dúvida muito frequente nos consultórios odontológicos e a resposta simples para essa pergunta é NÂO! Os antibióticos não estão entre os fatores causadores da doença cárie, mas para entender porque esse mito ganhou tanta força na crença popular precisamos primeiro entender o que é exatamente a cárie.

"Cárie é uma doença multifatorial que depende da presença de microrganismos, do meio bucal, da dieta e da higiene oral do paciente. Os antibióticos prescritos para crianças geralmente se apresentam sob a forma de suspensões extremamente doces e que são comumente adocicadas com sacarose, o açúcar comum. Por conta disso, temos aí um dos fatores que podem causar a doença, se, somado ao uso do medicamento adoçado ocorrer uma deficiência na escovação por um longo período de tempo, tendo em vista que os antibióticos são prescritos geralmente por 7 dias. Aí temos todas as condições necessárias para o desenvolvimento desta patologia. Portanto, no caso do uso desse tipo de medicamento, é necessário reforçar a higienização bucal para evitar as cáries", diz o dentista Rafael Kinouti Costa.

Manchas causadas por tetraciclina

Outro fator que pode ter contribuído para essa crença é o manchamento causado pelo antibiótico tetraciclina, caso seja ingerido durante o período de formação dos dentes, que vai, especialmente, do sexto mês da gravidez até a o sexto mês após o nascimento para os dentes de leite anteriores, e dos seis meses de vida até os seis anos de idade para os dentes permanentes anteriores. Os dentes manchados por tetraciclina são funcionalmente normais, porém, por apresentarem estética comprometida podem ser percebidos pela população em geral como cariados.

"A boa notícia é que existem outros antibióticos que podem ser usados no lugar das tetraciclinas, as penicilinas por exemplo. A amoxicilina, um antibiótico muito comum, é uma penicilina e é bastante receitado por dentistas para tratar infecções bucais e prevenir inflamações em pós-operatórios", finaliza o especialista.


Comentários