Dieta vegetariana é duas vezes mais efetiva na perda de peso


Veja | 14/06/2017

Quando se trata de perder gordura, uma dieta vegetariana é duas vezes mais eficaz do que a carnívora. De acordo com novo estudo, publicado no periódico científico Journal of the American College of Nutrition, essa alimentação acelera o metabolismo reduzindo fatores de risco da síndrome metabólica e diabetes tipo 2, como contribui para o alcance da perda de peso almejada, melhora o controle da glicemia e aumenta a sensibilidade à insulina.

Além disso, conforme estudos anteriores, dietas vegetarianas e veganas com baixo teor de gordura promovem um maior controle glicêmico e reduzem fatores de risco cardiovascular. “O vegetarianismo já provou ser mais efetivo para a perda de peso. Agora, mostramos que a dieta vegetariana pode ser muito mais efeito na redução de gordura muscular, promovendo melhora no metabolismo“, disse Hana Kahleová, diretora de pesquisa da organização sem fins lucrativos Physicians Committee for Responsible Medicine, nos Estados Unidos, ao site especializado Medical News Today.

A pesquisa

Os pesquisadores acompanharam 74 pessoas com diabetes tipo 2. Os participantes foram divididos em dois grupos que receberam diferentes dietas, sendo elas uma típica dieta antidiabética, seguindo recomendações da Associação Europeia para o Estudo de Diabetes (EASD), e uma dieta vegetariana. A segunda opção consistia em frutas, vegetais, nozes, sementes, grãos e legumes, com produtos animais limitados a uma porção diária de iogurte com baixo teor de gordura.

Nos três primeiros meses, os participantes foram aconselhados a não mudar seus hábitos de exercícios físicos. Depois, pelos três meses seguintes, um programa de exercícios aeróbicos foi adicionado à rotina.

Com o objetivo de avaliar o potencial da perda de peso de cada grupo, todos os participantes tiveram suas dietas limitadas a 500 calorias diárias, menos do que precisavam para manter o peso. Depois de seis meses, aqueles que seguiram a dieta vegetariana perderam, em média, seis quilos, contra apenas três quilos a menos naqueles que seguiram a dieta convencional.

Benefícios: menos gordura

Com base nos resultados, a dieta vegetariana pode fazer perder duas vezes mais peso do que uma dieta somente de restrição calórica. Na dieta vegetariana, 60% das calorias vieram de carboidratos, 15% de proteínas e 25% de gordura. Já na convencional dieta antidiabética, 50% vieram de carboidratos, 20% de proteínas e 30% de gorduras, limitando as saturadas em 7%.

Além disso, os cientistas avaliaram como a dieta afetava diretamente o armazenamento de gordura dos participantes. Em ambas as dietas, os participantes tiveram quase o mesmo nível de redução de gordura subcutânea, que fica logo abaixo da pele.

No entanto, quando foram analisadas as perdas de gordura subfascial, localizada na superfície dos músculos, e intramuscular, de dentro dos músculos, aqueles que seguiram a dieta vegetariana apresentaram uma redução muito maior.

“As descobertas são importantes para pessoas que estão tentando perder peso, inclusive aquelas que sofrem com a síndrome metabólica e diabetes tipo 2. Porém, elas também são relevantes para qualquer um que leve o controle de peso a sério ou queira permanecer saudável”, concluiu Hana.


Comentários